Feriado em SP deve lotar estradas na tarde de quarta-feira

Pelo menos 2,8 milhões de veículos vão circular pelas rodovias sob concessão e que atendem a Região Metropolitana de São Paulo, conforme previsão da Artesp
TRÂNSITO INTENSO JÁ É REGISTRADO NA SAÍDA PARA O FERIADO

Ao pegar a estrada, o motorista deve lembrar que, desde o dia 1 deste mês, os pedágios estão até 8,47% mais caros
As estradas paulistas terão tráfego intenso a partir das 16 horas desta quarta-feira, 08, em razão do feriado da Revolução Constitucionalista, comemorado em 9 de julho no Estado de São Paulo. Pelo menos 2,8 milhões de veículos vão circular pelas rodovias sob concessão e que atendem a Região Metropolitana de São Paulo, conforme previsão da Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp). Outros 800 mil devem passar em vias administradas pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER). O movimento seguirá intenso até a noite e durante a manhã de quinta-feira.

A expectativa é de um número maior de veículos seguindo para o interior e as regiões serranas do Estado, com procura menor pelas praias. Os acessos a Campos do Jordão terão esquemas especiais de controle do tráfego. Mais de 1,3 mil policiais estarão nas rodovias. A Polícia Rodoviária Estadual alerta para as condições do tempo, favoráveis à chuva ou formação de neblina com redução de visibilidade e maior risco de acidentes.

Pedágio

Ao pegar a estrada, o motorista deve lembrar que, desde o dia 1 deste mês, os pedágios estão até 8,47% mais caros nas rodovias estaduais sob concessão. No Rodoanel Leste, desde o último dia 2 passou a ser cobrada tarifa de R$ 2,20 para carros de passeio ou por eixo de veículos comerciais, e R$ 1,10 para motocicletas.

Em rodovias administradas por concessionárias, como os sistemas Anhanguera-Bandeirantes e Castelo Branco-Raposo Tavares, foram instalados postos de coleta da Campanha do Agasalho, onde os motoristas podem doar peças do vestuário em bom estado e cobertores. Os postos funcionam em praças de pedágio e unidades de atendimento ao usuário. Na federal Régis Bittencourt, que liga São Paulo a Curitiba, estão operando 17 novos radares para controle de velocidade.

A chuva causava lentidão nas estradas na tarde desta terça-feira 07. A Régis tinha trânsito lento com paradas do km 345 ao km 348, região de Miracatu, sentido Curitiba, em razão do excesso de veículos. Na Fernão Dias, na passagem por Guarulhos, havia três quilômetros de congestionamento. A rodovia Raposo Tavares tinha pontos com água na pista e lentidão próximo de Mairinque.

Fonte: RAC/ Correio Popular

About The Author

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *