Rigor em vistoria de carga cresce

Rigor nas cargas em Campinas
O Aeroporto Internacional de Viracopos passa a ser a partir desta semana o único terminal do país a inspecionar 100% das cargas que entram no seu terminal de exportações.
Foram implantados mecanismos de inspeção com 3 aparelhos de raio-X de última geração, cães farejadores e equipamentos de detecção de traços de explosivos e de substâncias químicas consideradas de alto risco. A inspeção ocorrerá tanto nos cargueiros quanto nos voos de passageiros.
A elevação do rigor na fiscalização visa a redução de riscos por conta das ocorrências recentes de ameaças de atos terroristas praticados contra a aviação civil mundial, além de reforçar a segurança em virtude da aproximação dos Jogos Olímpicos.
“Hoje, com exceção dos Estados Unidos, onde é obrigatória a inspeção na origem, a vistoria de cargas em aeronaves que vão para outros países deixa a desejar”, afirmou o gerente de Segurança de Viracopos, Samuel da Silva.
O terminal de cargas de Viracopos é o maior em volume de cargas importadas do país, sendo responsável por movimentar cerca de 40% desse total.
Para a implementação da mudança, foi necessária a alteração de todo o layout e do fluxo operacional do terminal de exportação. Para isso, Viracopos criou uma área restrita de segurança dentro do terminal de cargas.
De acordo com Silva, será feito o monitoramento do fluxo de exportações de carga, com acompanhamento e registro de todas as etapas, desde a chegada das cargas nas docas até o carregamento nas aeronaves.
O sistema implantado em Viracopos prevê que a Receita Federal e a Polícia Federal tenham acesso simultâneo às imagens de todo o processo de inspeção de cargas. Hoje, existem no terminal de cargas cerca de 110 câmeras de segurança instaladas.

Fonte: Jornal Destak Campinas/ 26.07.16

About The Author

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *